Segunda-feira, Abril 22, 2024
InícioEducaçãoPiauiense é aprovado em 1º lugar em Computação na Universidade Federal de...

Piauiense é aprovado em 1º lugar em Computação na Universidade Federal de Pelotas/RS

A tecnologia sempre foi um atrativo na vida do Charllynson Carvalho Caxias (16 anos), aprovado em 1º lugar para o curso de Ciência da Computação, em cotas afirmativas, na Universidade Federal de Pelotas (UFPel), no Estado do Rio Grande do Sul/RS. O estudante faz parte dos aprovados na primeira chamada do Sistema de Seleção Unificada (SiSU), divulgada na manhã desta terça-feira (28/02). 

Charllynson é estudante da Rede Pública Estadual e frequentou a Unidade Escolar Gayoso e Almendra, no município de Batalha/PI, distante 165 km da capital. O estudante conta que descobriu o amor pela tecnologia ao fazer um Curso de Informática.  

“Sempre tive um vínculo muito forte com a tecnologia e acredito que a pandemia abriu novas oportunidades para esse ramo. Eu já ajudo familiares no manuseio de computadores desde que fiz um curso na área. O mercado de trabalho para Computação é bastante amplo e tende a crescer, isso porque ela está presente no dia a dia da vida das pessoas. Tudo isso me levou a definir qual profissão gostaria de seguir”, afirma.  

Para o estudante, o apoio dos professores e da rede pública estadual de ensino foi importante para a conquista da tão sonhada aprovação. Ele destaca a distribuição de kits com material didático pedagógico da Coleção Enem pela Seduc e a participação na revisão Pré-Enem Seduc Na Estrada, que foi realizada por meio da 2ª Gerência Regional de Educação (GRE), sediada em Barras.

 “A escola foi fundamental, deu todo o apoio e incentivo necessários. Desde a inscrição do Enem, alertando os prazos de inscrição, local de prova e acompanhamento dos resultados. Ou seja, foi um acompanhamento integral. Os professores buscaram mostrar os conteúdos mais recorrentes no Enem, principalmente na reta final”, comenta.  Além do apoio dos professores, o estudante faz questão de dedicar a conquista aos pais, familiares e amigos. Em especial, à irmã Berlanny, que há seis anos mora em Pelotas/RS e será a anfitriã do estudante, que agora segue para o Ensino Superior.

“Dedico a Deus essa vitória, Ele me possibilitou tudo isso. Aos meus pais, família e amigos. Saio de Batalha para estudar na Universidade Federal de Pelotas, onde minha irmã Berlanny mora há seis anos. Tive o apoio de todos, tenho certeza que encontrarei muitas oportunidades de crescimento e aprendizado. Fiquei muito feliz, não tem preço, é uma sensação indescritível”, finaliza.  

Fonte: Portal 180 graus

Stay Connected
16,985FãsCurtir
2,458SeguidoresSeguir
61,453InscritosInscrever
Must Read
Related News