Apesar do Hospital Universitário (HU), em parceria com a Fundação Municipal de Saúde (FMS), ter disponibilizado 30 vagas para pacientes de Manaus (AM) diagnosticados com o novo coronavírus (Covid-19), somente nove devem chegar à Teresina nesta sexta-feira (15), após alteração na logística do translado.

Aeronave já saiu de Manaus e chegará em Teresina nesta sexta (Foto: FAB/ divulgação)

“Como a capital amazônica enfrenta desabastecimento e escassez de oxigênio líquido, o Ministério da Saúde optou por encaminhar a maioria dos pacientes para estados e cidades mais próximas, onde o consumo de oxigênio no deslocamento será menor”, explica Gilberto Albuquerque, presidente da FMS.

A previsão é que o avião da Força Aérea Brasileira (FAB) com os nove pacientes manauaras pouse ainda nesta manhã no Aeroporto Senador Petrônio Portella, onde equipes da FMS, HU, da Prefeitura de Teresina e da Secretaria de Saúde do Piauí (Sesapi) estarão de prontidão para os primeiros procedimentos.

“Estamos aqui a postos para fazer o atendimento inicial e o deslocamento desses pacientes do aeroporto até o Hospital Universitário. Todos de mãos dadas para prestarmos a assistência necessária a esses pacientes, com a melhor qualidade possível”, pontuou Albuquerque.

Além de receber os nove pacientes, a FMS realizará a troca dos cilindros de oxigênios que chegarem vazios à Teresina, para que o avião da FAB possa fazer o translado de outros pacientes.