Setut revela ao OitoMeia que ainda aguarda pagamento para iniciar funcionamento da frota com 200 ônibus

(Foto: Ricardo Morais/OitoMeia)

Conforme divulgado pela prefeitura de Teresina, a partir desta segunda-feira (11/10), os passageiros do transporte público da capital seriam contemplados com 200 ônibus para atender os bairros das quatro zonas, porém diversos passageiros relataram ao OitoMeia através das redes sociais que não é bem assim que está acontecendo.

Relatos dão conta de demora nas paradas que vão até 1h de espera, a reclamação da demora é maior ainda quando os passageiros acabam tendo que realizar a integração, ou seja, pegar mais de um ônibus de zonas diferentes para chegar ao destino. Compartilhamos a insatisfação dos usuários com o Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (Setut), que em nota afirmou que a frota com 200 transportes só começará a rodar após a prefeitura de Teresina realizar os pagamentos que foram acertados em acordo.

O ACORDO

Na última quinta-feira (07/10), Dr Pessoa assinou o acordo que manteve o contrato com o Setut. No novo acordo, a PMT fará o pagamento no valor de R$ 21 milhões em dívidas de subsídios, que serão realizados de forma parcelada: Os primeiros R$ 10,5 milhões serão divididos em três parcelas, sendo R$ 4,5 milhões ainda neste mês de outubro, R$ 3 milhões em novembro e mais R$ 3 milhões em dezembro.

Conforme o Setut alega a primeira parcela acertada para este mês de Outubro ainda não foi realizada por parte da prefeitura, e sem a realização, não será possível aumentar a atual frota dos ônibus.

FONTE: OITOMEIA