Polícia Federal deflagra operação contra empresários e servidores públicos no Piauí

Polícia Federal deflagra operação contra empresários e servidores públicos no Piauí (Foto: PF/Divulgação)

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quarta-feira (15) a Operação Paradoxo para apurar esquemas de corrupção entre empresários e servidores públicos do Piauí.


São cumpridos nove mandados de busca e apreensão em Picos, São Luís do Piauí e Ipiranga do Piauí. As ordens foram expedidas pela 1º Vara Criminal de Seção Judicial do
Estado.

As investigações apontam repasses vultuosos de empresas sediadas, em Picos, para agentes públicos vinculados aos municípios dessa microrregião. Segundo a polícia, os
valores eram frequentemente transferidos nas mesmas datas dos pagamentos feitos às empresas relativos a obras e serviços executados nos municípios envolvidos.

Até o momento foram constatadas irregularidades em procedimento licitatório que resultou na vitória de uma das empresas investigadas, bem como a remessa de valores a
título de pagamento de vantagem indevida superior a R$ 1,5 milhão.


Restou demonstrada ainda a utilização, pelo grupo criminoso, de pessoas interpostas com a finalidade de promover a lavagem do dinheiro obtido com a prática dos crimes.


O paradoxo
O nome da operação faz referência à contradição existente entre os fatos apurados e os princípios que devem nortear os servidores públicos.

PORTAL AZ