PM lança operação ‘Natal Seguro’ e reforça ações contra ‘lanceiros’ no Centro de Teresina

A Polícia Militar do Piauí lançou nesta sexta-feira (10), na praça Rio Branco, centro de Teresina, a Operação Natal Seguro, que tem o objetivo de intensificar o efetivo policial e a segurança da população nas áreas de comércio com maior movimentação devido as festividades de fim de ano. Um dos focos da operação é o combate a atuação dos chamados ‘lanceiros’, pessoas que se aproveitam do descuido de pedestres para praticar furtos e roubos, de celulares, carteiras e outros pertences. 

De acordo com a Polícia, a maior parte dessas quadrilhas é composta por mulheres, que, geralmente, andam em grupos. 

“A gente já faz esse trabalho junto com 1º DP, nesse momento agora da Operação Natal, nós vamos integrar juntamente com o setor de inteligência da gente e o 1º DP, já conhecemos todas essas lanceiras, e a gente sempre orienta a população que tenha os devidos cuidados, como ao vir ao centro ver se seu veículo está fechado, evitar fazer a conferência de dinheiro em locais públicos, sempre ficar atento a esses crimes de oportunidades que elas agem quando a pessoa está desatenta”, destacou o comandante do 1º Batalhão, tenente-coronel Maurício de Lacerda. 

Segundo o comandante geral da Polícia Militar, coronel Lindomar Castilho, inicialmente, 80 policiais devem incrementar o reforço nas áreas comerciais de Teresina, no horário de 08h às 20h. 

“Nós estamos começando com 80 policiais, mas podemos chegar a mais porque os órgãos públicos, onde temos vários policiais, devem entrar de recesso e estamos conversando com os gestores para que apresentem parte desse efetivo para incrementar também aqui na área comercial. Temos dois turnos de aplicação do policiamento, começando as 08h da manhã,  com outra turma pegando de 14h as 20h, que é o horário de funcionamento de comércio”, explica o comandante. 

Ainda de acordo com o coronel Lindomar Castilho, o efetivo trabalhará com motocicletas, carros, cavalaria, além dos policiais nos pontos estratégicos do centro de Teresina. 

“Nós vamos atuar basicamente em patrulhamento, motopatrulhamento e também a pé em alguns pontos que nós elegemos como estratégicos, onde o policial tem facilidade nos corredores de movimentação para fazer deslocamento dentro da área comercial e também passar com a cavalaria em alguns pontos”, acrescenta. 

Foto: Roberta Aline/cidadeverde.com 

Além do centro de Teresina, onde ocorre a maior movimentação da população no fim de ano. Os policiais militares também estarão presentes nos centros comerciais dos bairros da capital. 

“Além do centro comercial, que é tradicional, nós também estamos com os comandantes de cada batalhão, então todos eles irão reforçar as equipes de patrulhamento para estarem patrulhando essas áreas comerciais, área comercial do São Joaquim, Parque Piauí, grande Dirceu, áreas dos shopping, todas elas”, ressalta o comandante geral da PM. 

Já nos outros municípios do Piauí, a Polícia Militar também estará lançando a Operação Natal Seguro para evitar a prática de crimes como furto e roubo durante esse período, nessas regiões. 

Ontem por exemplo lançamos em Floriano, Agua Branca, hoje lançamos aqui em Teresina, Picos e segunda em Parnaíba e Piripiri, então lançar em todas elas com o propósito de fortalecer o policiamento, minimizar os riscos de crime de roubos e furtos que é muito comum nessa época porque o comércio está aquecido, maior volume de recursos na praça”, finaliza o coronel Lindomar Castilho.

Orientações à população 

O coordenador geral de operações da Polícia Militar, coronel Raimundo Rodrigues, também orienta à população no momento da realização das compras de fim de ano. 

“A primeira orientação da Polícia Militar é que as pessoas fiquem atentas, que guardem os seus objetos em local seguro, no momento que forem ingressar no transporte coletivo que coloquem o objeto, sua bolsa a frente do corpo e que não deixem nem celulares, objetos de valor no interior de seus veículos e que realizem suas compras da melhor forma possível”, orienta o coronel Raimundo Rodrigues.

FONTE: CIDADE VERDE

Foto: Roberta Aline/cidadeverde.com