Dr Pessoa assina acordo e ônibus devem voltar a circular na segunda-feira, dia 11

Doutor Pessoa esteve presente na inauguração da reforma do CMEI Santa Teresinha na zona Rural. (Foto: Ricardo Morais/OitoMeia)

O prefeito de Teresina Dr Pessoa (MDB) assinou, nesta quinta-feira (07/10), o acordo que mantém o contrato da PMT, através da Strans (Superintendência de Trânsito), com o Setut (Sindicato dos Transportes de Teresina).

Pondo fim, de vez por todas, à crise do transporte público coletivo na capital. Dr Pessoa, pela manhã, ao OitoMeia, em solenidade na zona rural, disse ainda não estar por dentro do que se tratava o acordo.

Entretanto, já em solenidade no 2º Batalhão de Engenharia e Construção, ele assinou e garantiu o retorno dos ônibus. “Vamos garantir o retorno dos ônibus em toda a cidade. A prefeitura vai fazer a sua parte e contamos com os empresários fazendo a sua (parte)”, disse Dr Pessoa.

Quem garantiu esse acordo assinado pelo prefeito foi o superintendente da Strans, Cláudio Pessoa, em um trabalho de negociação com o Setut que já durava uma semana. O procurador geral do município, Aurélio Lobão, deu o aval. Alguns pontos de minuta ainda eram debatidos pelos empresários e por isso a demora.

Representando o Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina(Setut), a advogada Naiara Moraes disse que há uma previsão para o retorno do transporte público para segunda-feira, dia 11 de outubro. O novo acordo diz que a PMT fará o pagamento no valor de R$ 21 milhões em dívidas de subsídios e será feito de forma parcelada. Inicialmente, serão pagos R$ 10,5 milhões, divido em três parcelas. Serão R$ 4,5 milhões em outubro, R$ 3 milhões em novembro e mais R$ 3 milhões em dezembro.

FONTE: OITOMEIA