Teresina completa um ano de vacinação contra a Covid-19, nesta quarta-feira (19), com 99,87% de cobertura da população imunizada com a primeira dose, equivalente a 730.077 doses aplicadas. A capital do Piauí tem uns dos melhores índices de vacinação do país na população a partir dos 12 anos.

Com as duas doses ou dose única são 90,78% e 663.646 doses aplicadas em Teresina. Com reforço e dose adicional são 140.589 doses aplicadas e somente a dose de reforço a cobertura é de 19,23%. Teresina iniciou ontem (18) a vacina das crianças, de 5 a 11 anos.

A Fundação Municipal de Saúde iniciou a vacinação dia 19 de janeiro de 2021 com os profissionais de saúde que, à época, atuavam na urgência do Hospital da Primavera e com os idosos do abrigo Frederico Ozanam, zona Norte, com um total de 281 pessoas. O prefeito de Teresina Dr. Pessoa e o presidente da FMS Gilberto Albuquerque acompanharam a vacinação nesses locais.

Ao longo de um ano, teve aumento significativo de casos, mas com o avanço da vacinação houve uma redução dos casos graves e mortes. O presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, avalia que é o resultado esperado com a vacinação e com as ações implementadas de enfrentamento da pandemia.

“Em Teresina, cumprimos o Plano Nacional de Imunização e, atualmente, temos dados excelentes da cobertura vacinal, da redução de casos graves da doença e de mortes. Executamos a vacinação, reorganizamos a rede hospitalar com leitos de UTI e enfermarias específicos para Covid, temos as UBS Covid funcionando todos os dias da semana e nesse mês de janeiro implementamos e colocamos para funcionar cinco centros de testagem. São muitos os esforços para que a população seja atendida”, diz.

Imunizada no primeiro dia da vacinação em Teresina, a médica do Hospital da Primavera, Janainna Sammia de Almeida Moura, reafirma e orienta para os pacientes que as vacinas, desde que foram criadas, revolucionaram a saúde pública. “As vacinas promoveram o controle de inúmeras patologias e evitaram muitas mortes, com a Covid acontece o mesmo, precisamos seguir todas as recomendações sobre o esquema vacinal para que possamos continuar avançando e controlarmos de fato a pandemia”, analisa. “Já estamos vendo o resultado na diminuição de casos graves e mortes, isso porque avançamos na vacinação e isso pode melhorar mais ainda se todos completarem seu esquema vacinal”, recomenda a médica.

Quem foi imunizado no primeiro dia da vacinação em Teresina foi o enfermeiro Clebson Ferreira Lima, que trabalha no Hospital da Primavera. “Tenho todo o esquema vacinal completo e, desde então, não tive nenhuma condição gripal. Continuo com os cuidados usando máscara, evito aglomeração, higiene das mãos, todos da minha residência se vacinaram contra a Covid e nenhum adoeceu”.